Comendador Araújo (41) 3079-1949
Santos Andrade (41) 3049-3107

Resultado da pesquisa por : Ayaan Hirsi Ali


A virgem na jaula

Ayaan Hirsi Ali
ano: 2008
editora: Companhia Das Letras
estante: Sociologia
peso: 450 gramas
cadastro: xx/xx/xx
código: 1000184502917
O livro está em bom estado de conservação as bordas tem leves marcas de sujeiras nas bordas. loc: Oriente Médio Cód. Interno: 570103051 Loja: Sebo Kapricho I





Infiel a historia de uma mulher que desafiou o isla

Ayaan Hirsi Ali
ano: 2007
editora: Companhia Das Letras
estante: Biografias Mulheres
peso: 790 gramas
cadastro: 09/02/18
código: 1000224477489
Autobiografia de uma mulher extraordinaria que foi criada nos costumes tribais da Somalia sofreu mutilacao sexual e espancamentos brutais na infancia foi muculmana devota fugiu de um casamento forcado tornou se deputada na Holanda clamou pelos direitos das muculmanas criticou Maome e esta condenada a morte pelo fundamentalismo islamico Livro com alguns sinais de manuseio e pouca acidificacao Fitas adesivas em uma das paginas Capa com desgastes





Infiel - a história de uma mulher que desafiou o islã

Ayaan Hirsi Ali
ano: 2007
editora: Companhia Das Letras
estante: Biografias Mulheres
peso: 772 gramas
cadastro: 27/07/16
código: 1000214023825
. Exemplar em bom estado





Infiel - a história de uma mulher que desafiou o islã

Ayaan Hirsi Ali
ano: 2012
editora: Companhia Das Letras
estante: Biografias Mulheres
peso: 780 gramas
cadastro: 14/11/16
código: 1000216104225
Infiel é a autobiografia de Ayaan Hirsi Ali, jovem exilada somali, eleita deputada do parlamento holandês e conhecida por sua luta pelos direitos da mulher muçulmana e críticas ao fundamentalismo islâmico. Esta obra narra sua vida desde a infância tradicional muçulmana na Somália até o despertar intelectual na Holanda e a existência cercada de guarda-costas no Ocidente. Livro em bom estado de conservação.





Infiel: a história da mulher que desafiou o islã

Ayaan Hirsi Ali
ano: 2007
editora: Companhia Das Letras
estante: Biografias Mulheres
peso: 784 gramas
cadastro: 06/04/17
código: 1000218831631
Em novembro de 2004, o cineasta Theo van Gogh foi morto a tiros em Amsterdã por um marroquino, que em seguida o degolou e lhe cravou no peito uma carta em que anunciava sua próxima vítima: Ayaan Hirsi Ali, que fizera ao lado de Theo o filme Submissão, sobre a situação da mulher muçulmana. Livro apresenta apenas sinais de armazernamento e assinatura do antigo proprietário na folha de rosto.







0 - 5 de 5